My Weblog: istanbul elektrikci uskudar elektrikci umraniye elektrikci film indir kadikoy elektrikci ev aletleri tamiri umraniye elektrikci uskudar elektrikci umraniye elektrikci

Paralamas e Titãs: juntos e ao vivo \\ 2008

  • 01. Diversão
  • 02. O Calibre
  • 03. Marvin (Patches)
  • 04. Selvagem/Polícia
  • 05. Uma Brasileira
  • 06. A Novidade
  • 07. Homem Primata
  • 08. Lourinha Bombril (Parate y Mira)
  • 09. Cabeça Dinossauro
  • 10. A Melhor Banda de Todos os Tempos da Última Semana
  • 11. O Beco
  • 12. Trac-Trac (Track Track)
  • 13. Go Back
  • 14. Comida
  • 15. Lugar Nenhum
  • 16. Óculos
  • 17. Sonífera Ilha/Ska
  • 18. Meu Erro
  • 19. Flores
SOBRE O ÁLBUM
Fazer 25 anos no rock brasileiro não é para qualquer um. Quem além do Paralamas tem esse privilégio? Exatamente. Era uma data que não podia passar batida, e os irmãos Paralamas e Titãs se juntaram à mesa para dividir a conta e multiplicar os amigos. O plano de Herbert, Bi e Barone era gravar um disco que já ia bem encaminhado (que viria a ser um ano depois o “Brasil Afora”), mas a turnê foi se espalhando além do planejado, e gravar a festa da reunião se tornou mais do que natural. Não se podia frustrar a expectativa de tanta gente, afinal.

Como em toda boa festa, coube mais e mais gente. Além dos oito das duas bandas somadas – o que inclui duas baterias simultâneas e coordenadas – subiram ao palco Samuel Rosa, Arnaldo Antunes e Andréas Kisser. O que se ouve enfileirado é a história daqueles caras e um pouco mais: a história da juventude brasileira sempre renovada desde que a ditadura militar começou a perder força, lá no começo dos anos 80.

Cada clássico recriado pelos oito (são dezenove faixas, sendo duas de músicas emendadas) é uma fotografia carregada de memórias, ensinamentos, planos, gritos, lágrimas, danças, encontros, desencontros, altos, baixos, conversas, sonhos. Uma festa daquelas.