My Weblog: istanbul elektrikci uskudar elektrikci umraniye elektrikci film indir kadikoy elektrikci ev aletleri tamiri umraniye elektrikci uskudar elektrikci umraniye elektrikci

HEY NANA \\ 1998

SOBRE O ÁLBUM

A vontade de fazer um disco acústico já era tema nas internas dOs Paralamas desde 1993. Enquanto eles estavam na estrada para divulgar o álbum “Nove Luas”, os Titãs reviravam o país e as paradas de sucesso com um êxito impressionante. Isso tudo tornava a sombra do assunto permanente na mente da banda. “Hey Na Na” dá continuidade a uma série de experiências mais próximas ao formato acústico iniciadas por Herbert em “Santorini Blues”, seu segundo disco solo, lançado um ano antes.

Para a banda que sempre baseou suas apresentações em um vigor tremendo sustentado por apenas três membros, não era uma tarefa simples encontrar o ponto em que fosse possível desplugar os instrumentos da tomada, sem perder a pressão. “Hey Na Na” já começa a mostrar as respostas da banda e esse se torna o grande barato do disco. Os Paralamas encontram um caminho entre as sutilezas pop e a densidade lírica, em uma leva de canções das mais inspiradas.

O sucesso comercial, a estabilização da economia e da situação política do país trouxeram a banda de novo para um universo mais pessoal de composições e temas. O reggae O amor não sabe esperar, com a participação de Marisa Monte, se saí bem nas rádios assim como Ela disse adeus arrebenta na MTV, com seu premiado videoclipe inspirado no expressionismo alemão e no cinema mudo. A parceria que a banda fizera com Chico Science e Nação Zumbi pelas estradas européias nos anos anteriores gera seu fruto póstumo. Após a perda prematura de Chico, coube aos Paralamas a última música deixada e endereçada pelo cantor. Scream Poetry trouxe ainda a voz de Jorge Mautner na gravação.

A turnê de “Hey Na Na” correu em paralelo com as primeiras das apresentações surpresas que se tornariam míticas para os fãs e que preparavam o que viria a ser o álbum acústico. A vontade crescia e o caminho parecia inevitável.